Mel, queijo, goiabada, cachaça, casarões centenários e sossego são os trunfos que podem tornar o distrito de São Bartolomeu na melhor vila turística do mundo. Este pedaço de chão, que faz parte de Ouro Preto, na Região Central de Minas Gerais, é uma três representantes brasileiras do concurso promovido pela Organização Mundial do Turismo (OMT), agência da Organização das Nações Unidas (ONU).

Alberto Moreira, em Barretos (SP), e Vila do Enxaimel, em Pomerode (SC), são as outras duas candidatas brasileiras selecionadas para participar da disputa.

 “O que Bartolomeu tem de tão especial é o caráter empreendedor dos moradores. Os filhos dos nativos resolveram ficar no distrito e transformaram o local em uma vila com grande potencial de turismo rural”, disse o secretário Municipal de Turismo, Rodrigo Câmara.
São Bartolomeu é um dos 12 distritos de Ouro Preto. Foi fundado no fim do século XVII e é um dos mais antigos de Minas Gerais. A igreja que dá nome ao distrito registra o período, muito antes da chegada do barroco.

Algumas das casas ainda conservam oratórios em suas fachadas, considerados raridades na arquitetura dos séculos XVIII e XIX. São Bartolomeu também guarda nascentes do Rio das Velhas e belas paisagens de mata atlântica.

O resultado do concurso será divulgado no dia 12 de outubro. Até lá, que tal um queijim com goiabada?

Fonte: G1.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui