sábado, 15 junho 2024
- Publicidade - spot_img
HomeBrasíliaEduardo Pedrosa promete não apresentar mais projetos “perda de tempo”

Eduardo Pedrosa promete não apresentar mais projetos “perda de tempo”

Date:

Related stories

Suspeito de feminicídio já foi preso por homicídio e crimes sexuais

Wederson Aparecido Ananias de Moura, 36 anos, é considerado...

Em polêmica dos hospitais, CLDF publica nota contra CFM: “Intimidação”

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) emitiu nota...

Vítima de feminicídio morreu esfaqueada na frente do filho, de 4 anos

Oitava vítima de feminicídio no Distrito Federal em 2024,...

Feminicídio: saiba quem é a mulher morta a facadas na frente do filho

Mãe de três filhos, Jainia Delfina de Assis, 42...

Ciclistas relatam rotina de perigo em treinos no Parque da Cidade

Atletas profissionais de ciclismo e triathlon da capital federal...
spot_img

Eduardo Pedrosa (PTC) disse que atuará agora de maneira diferente, embora tenha apresentado duas propostas com esse perfil.

Eduardo Pedrosa do Distrito Federal usou as redes sociais para prometer “nunca mais apresentar” um único projeto classificado por ele como “perda de tempo”. O distrital Eduardo Pedrosa (PTC) afirmou em sua conta pessoal do Twitter, neste sábado (28/09/2019), que a decisão se refere às matérias como as que mudam nome de ruas, praças e que incluem datas comemorativas no calendário oficial da região. Ele chegou a reconhecer ter apresentado duas propostas com fins parecidos. Entretanto, não fará novamente.

“Aí vai um político e fica perdendo tempo discutindo nome de rua, apresentando projeto para criar dia do não-sei-o-que, data comemorativa. Sinceramente, cheguei a apresentar 2 projetos nesse sentido, mas eu faço um compromisso, de nunca mais apresentar, um único projeto desse perfil”, desabafou Pedrosa.

Na sequência, o político argumentou que há “gente procurando atendimento em hospital, lutando pela vida, tem gente procurando emprego para alimentar seus filhos, tem gente com medo de perder um familiar ou a vida para insegurança, enfim, tudo é importante” como pautas realmente importantes para um legislador. ““Não há mal nenhum em mudar de opinião. Contanto que seja para melhor”, parafraseou ele a conhecida declaração de Winston Churchill.

Esperamos que sim deputado, seja exemplo para os seus pares. Trabalhe pela população e para a população.

TWITTERReprodução / Twitter

Distrital desabafa sobre propostas inúteis enquanto população está carente de serviços públicos de qualidade

 

Eleito deputado distrital com 12,8 mil votos pelo PTC, Eduardo Pedrosa terá que dividir o tempo entre os trabalhos parlamentares e a prestação de serviços à comunidade. O jovem de 28 anos foi condenado em 2015 a dois anos de detenção por homicídio culposo na direção de veículo automotor. A pena foi convertida em outras restritivas de direito.

Sobrinho de Eliana Pedrosa (Pros), ele foi considerado culpado pelo acidente que matou a estudante da UnB Laís Pimenta, 21 anos, em 2011. Eduardo saía de uma festa e, segundo a polícia, dirigia a uma velocidade de, no mínimo, 125km/h em uma noite chuvosa. Ele se recusou a fazer o teste do bafômetro.

Assine

- Nunca perca uma história com notificações

- Obtenha acesso total ao nosso conteúdo premium

- Navegue gratuitamente em até 5 dispositivos ao mesmo tempo

Últimas notícias

-Publicidade -spot_img

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here