quinta-feira, 25 abril 2024
- Publicidade - spot_img
HomeOutrosSydney registra recorde de casos de covid-19 desde junho, apesar de lockdown

Sydney registra recorde de casos de covid-19 desde junho, apesar de lockdown

Date:

Related stories

DF: Receita desarticula esquema de sonegação com rombo de R$ 98 mi

Receita do Distrito Federal desarticulou um esquema de sonegação...

“Estamos arrasados”, diz marido de grávida que morreu sem atendimento

“Estamos até agora sem entender por que tudo isso...

Deputado propõe uso de emendas para contratação de vigilantes no DF

O deputado Joaquim Roriz Neto (PL) apresentou um Projeto...

Adolescente é atacada por cachorro no DF e é ferida no pescoço

Uma adolescente, de 18 anos, foi atacada por um...
spot_imgspot_img

Sydney, 10 Ago 2021 (AFP) – A cidade australiana de Sydney, cujos habitantes respeitam um confinamento há sete semanas, registrou hoje o número de contágios mais elevado de covid-19 desde meados de junho, apesar dos esforços para frear o avanço da pandemia. O estado de Nova Gales do Sul registrou 356 casos, um recorde desde que a região começou a contabilizar novos contágios devido à variante delta do coronavírus em meados de junho.

Sydney é a maior cidade do país, com mais de cinco milhões de habitantes. O foco de contágios que provocou o confinamento resultou até o momento em 32 mortes e foram registrados 5.805 casos, segundo os números oficiais. “Nossa estratégia é nos aproximarmos ao máximo de zero (casos), mas infelizmente estamos vendo o aumento dos números”, afirmou a primeira-ministra do estado, Gladys Berejiklian.

A cidade Byron Bay, na costa, foi a última do estado a decidir confinar sua população. Em Melbourne, segunda maior cidade do país, cinco milhões de habitantes estão confinados pela sexta vez desde o início da pandemia, após a detecção de um foco de contágios na semana passada.

Durante 18 meses a estratégia australiana de luta contra o vírus, baseada em uma campanha em larga escala de testes de diagnóstico, confinamentos e fechamento de fronteiras, deu frutos. Mas a variante delta, muito mais contagiosa, parece afastar o país da meta “zero covid” e os australianos estão irritados com os sucessivos confinamentos.

Apenas 20% dos cidadãos do país receberam até o momento as duas doses da vacina contra o coronavírus devido a problemas de abastecimento e a uma desconfiança de parte da população a respeito dos fármacos. O primeiro-ministro Scott Morrison admitiu que o país trava uma “difícil batalha” contra a variante Delta e desejou que “todos possam se reunir ao redor da mesa no Natal”.

O país de 25 milhões de habitantes registrou até o momento quase 37 mil casos de covid-19 e 940 mortes.

Fonte: Uol Notícias.

Assine

- Nunca perca uma história com notificações

- Obtenha acesso total ao nosso conteúdo premium

- Navegue gratuitamente em até 5 dispositivos ao mesmo tempo

Últimas notícias

-Publicidade -spot_img

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here